CÂNULA DE TRAQUEOSTOMIA – PORTEX  BLUE LINE ULTRA SUCTIONAID

CÂNULA DE TRAQUEOSTOMIA – PORTEX BLUE LINE ULTRA SUCTIONAID

por CIRÚRGICA FERNANDES
na categoria Cânulas
Descrição

PVC (Cloreto de Polivinila) Termosensível – proporciona rigidez inicial suficiente para inserção, e então maciez a temperatura do corpo que se ajusta a anatomia individual do paciente;
Desenho arqueado suave com ponta cônica para auxiliar à colocação e remoção do tubo de traqueostomia;
Cânula interior macia com o mínimo risco de trauma à anatomia do paciente;
Conector de 15 mm para ligação ao circuito de respiração do ventilador ou anestésico está localizado no tubo e não na cânula interior;
Rebordo flexível de forma anatômica para aumento do conforto do paciente e aumento da segurança do tubo de traqueostomia;
Novo desenho do balão de vedação (Profile Soft Seal), macio com redução de volume e transição sem problemas do tubo de traqueostomia para facilidade de inserção;
Um obturador com ponta atraumática para utilização com ou sem fio guia para melhorar a inserção (os grampos do obturador evitam o movimento do obturador durante a inserção);
Uma linha azul de enchimento do cuff e balão piloto com válvula de verificação Luer integral para encher e monitorizar o cuff;
Uma linha de aspiração transparente terminando acima do cuff que permite a aspiração de quaisquer secreções acumuladas. A linha de aspiração termina com um conector para aparelhos de aspiração e uma ponta Luer para conectar ou uma seringa ou válvula de controle do vácuo que está incluída no pacote.

CONCEITO DE CUFF PROFILE SOFT SEAL

Cuff de Baixa Pressão e Alto Volume com os benefícios:
Material do Cuff macio e aveludado: Minimiza o risco de trauma;
Material do Cuff mais fino: A reduzida espessura do cuff minimiza o risco de dobras longitudinais;
Diâmetro de repouso do cuff maior: Assegura vedação eficiente, mesmo quando a sonda endotraqueal de menor diâmetro for selecionada;
Reduzida permeabilidade ao Óxido Nitroso: Apresenta aumento mínimo na pressão durante exposição prolongada ao Óxido Nitroso.

Indicação
Manutenção da via respiratória de pacientes com traqueostomia;
Permite aspiração de muco contaminado e secreções sub-glóticas que se concentram e se acumulam entre o cuff do tubo de traqueostomia e a glote.

Relativa contra-indicação:
Obesidade mórbida e/ou edema do pescoço (distância entre a pele do pescoço e a traquéia pode fazer com que o tubo de traqueostomia seja demasiado curto).

Instruções de uso
Antes da introdução da cânula, deve-se inspecionar a integridade do sistema de balão e inflação quando possui cuff;
Antes de utilizar, desaperte a flange do obturador (se existir) e verifique se o obturador pode ser retirado da cânula. Reintroduza o obturador;
Pode se aplicar na ponta distal lubrificante à base de óleo para facilitar a inserção;
Introduza a cânula de traqueostomia de acordo com as técnicas médicas aceitas;
Encha o balão (quando houver) com uma quantidade de ar mínima para obter vedação eficaz;
Segure a cânula de traqueo com fixador de traqueostomia.

Advertências
Desinflar o balão completamente antes de retirar a cânula de traqueostomia para evitar traumas à traquéia e ao estoma;
No caso de lubrificar a cânula antes da introdução, verificar se o lúmen não está obstruído;
Manter pouca resistência de ar no balão;
Durante procedimentos anestésicos, o Óxido Nitroso pode propagar-se para o balão causando aumento ou diminuição da pressão do mesmo;
As pressões devem ser monitorizadas constantemente durante procedimentos anestésicos;
O enchimento demasiado do balão pode causar dano irreversível à traquéia;
Evitar contato com eletrodos ou laser, devido ao risco de incendiar o PVC;
Não usar em pacientes com anatomia ou patologias das vias aéreas superiores anormais;
Após a conexão da traqueo ao sistema de respiração, evitar aplicar forças lineares ou giratórias para evitar a desconexão;
As cânulas de traqueostomia devem ser trocadas regularmente e de acordo com a necessidade do paciente.

Precauções:

Verificar todos os conectores do sistema de respiração;
Umidificar adequadamente os pacientes para evitar incrustrações do lúmen da traqueo e danos à mucosa;
Realizar aspirações regulares para manter o lúmen desobstruído;
Realizar a troca da cânula no prazo máximo de 30 dias;
Pacientes que usam a cânula no ambiente caseiro deve ser orientado por um profissional especializado.
Usar solução salina para limpeza da cânula enquanto estiver colocada no paciente;
Não pode ser reutilizada;
Não reposicionar a cânula no paciente com o balão insuflado.

Cuidados de Conservação e Transporte
Manter em local seco e fresco.

Apresentação

Embalado individualmente
Esterilizado em Óxido de Etileno

CANULA DE TRAQUEOSTOMIA SUCTIONAID C/DISPOSITIVO PARA ASPIRAÇÃO
C/ BALÃO BLUE LINE ULTRA
100.860.060 6,0 mm
100.860.070 7,0 mm
100.860.075 7,5 mm
100.860.080 8,0 mm
100.860.085 8,5 mm
100.860.090 9,0 mm
100.860.100 10,0 mm

Cânula de Guedel - PVC nº 2

OXIGEL MATERIAIS HOSPITALARES INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA.